sábado, 8 de outubro de 2011

ARQUEOLOGIA HISTÓRIA POSSÍVEL


                              Padre António Vieira evangeliza os índios em terras de Vera Cruz
        
        
        
condenado das leis e sem
outra defesa que os lábios emudeceu subitamente.
vendido escravo pró Brasil, o Pe. A. V.
o iluminou na fé cristã & misericórdia.
Jose Ignacio Pombo: injusto también y bárbaro el derecho
que se cobra em cada venta de los esclavos.
Es um derecho sobre los hombres.
Mas guardou (hoje o sabemos) crenças
selvagens & a impiedade natural das origens,
alheio à salvação espiritual & progresso na via do culto.
                                y él grava también
                                sobre la agricultura,
os ombros tremiam-lhe por dentro devagar. Fugido
em novembro dois, de 1804
& entregue a estas autoridades cinco meses passados
& cortadas as mãos em culpa de furto,
morte, e hábitos (dizem) viciosos que uma missão
não extirpou completamente,
habitava em comunhão carnal contra natura,
adorando ídolos, dado a bruxedo & feitiçaria.
Los 38800 pesos producto de novillos, y
mulas vendidas en Jamayca, reducido a
negros comprándolos a 215 pesos
dan ..................................... 152
Agravado de conhecedor dos princípios morais
& catecismo, & civilização, & instruído
no conhecimento da língua e costumes,
ajudado que fora pelo Pe. A. V. e outros
no caminho da Redempção;
                                será obligación precisa,
y personal de los Curas, aplicar todos los dias festivos
la Misa, por el pueblo, explicarle el evangelio
antes de ésta, y la doctrina cristiana por la tarde
& com o reconforto das unções Xtãs
foi decepado em abril 20, de 1805 depois
de lhe cortadas as regiões
por exemplo maior que guardem
as populações & extirpe costumes bárbaros
& incitamento à fuga.
                                (tremiam-lhe
os ombros ao de leve, por dentro.
Levava no peito uma medalha redonda de cobre;
ferido nas costas de uma bala rés-vés.
Estando o sol mto forte & o tempo húmido
apodreceu rapidamente o corpo).
Por derechos de marca de 263 negros
a 40 pesos cada uno ....................... 10520.
Por 6% de muertos, y gastos sobre
los 71070 pesos em total ..................... 4260.
Producto líquido de los negros ...................56230.
Tremiam-lhe os ombros porque tinha medo
& sinais das estrelas mau presságio, & vira
mortos os companheiros antes de ser preso,
& estando sozinho
lhe parecia a morte mto difícil.
                                (ao de leve, como
por dentro. E ao ser castrado
abriu a boca como se falando, como
se fora gritar, mas não se lhe ouviu voz,
enquanto o cerrava os olhos & uma lágrima
escura lhe escorria o suor dos lábios)
Logramos la fortuna
                                   de tener um Soberano,
Padre verdadero
                            y amante de sus vasallos,
foi a enterrar no campo maior por
despesa ordinária,
                             (ao de leve)
& os filhos, que tivera, entregues
ao cuidado de seu legítimo
proprietário.
Si a estos se agregan los derechos de alcabala de venta, y
reventa en estos negros; el aumento de frutos y
consumos, que dan, subirán mucho las utilidades, que produce
esta negociación, al Rey, a los interesados y a la Provincia.
              
             
Refs.: D. José Ignacio Pombo, Informe del Real Consulado de Cartagena de Indias a la Suprema Junta Providencial de la Misma, 1810; D. Antonio de Narvaéz y la Torre,Informe del Gobernador, Provincia de Santa Maria y Rio Hacha del Virreynato de Santafé, 1778, e Discurso sobre la utilidad de permitir el comercio libre de neutrales en este Reyno, 1805.
             
António Franco Alexandre, Sem palavras nem coisas,
Lisboa, Iniciativas Editoriais, 1974.
Reeditado em Poemas
Lisboa, Assírio & Alvim, 1996
             
     

           
             
    
             
             

             
In “Arqueologia história possível”, the author embarks upon a dialogue with history, represented by three documents – two “reports” and one “speech” in Spanish. These are submitted to the devices of an ars combinatoria in order to carry out (with “possible” veracity) an “archaeology” of a historical phenomenon, namely, that of slavery in the last quarter of the eighteenth century and the first years of the nineteenth century; and also to highlight the inevitable distance separating a modern viewpoint from the ideology dominant in the period from which, in the poem, “history” is made.
             
In After the Revolution: twenty years of Portuguese literature, 1974-1994
Helena Kaufman e Anna Klobucka
Associated University Presses, 1997
             
             
             
   Olga Sinclair, Esclavos, 2003. Triptych, oil on linen, 250 x 400 cm
Olga Sinclair, Esclavos, 2003. 
Triptych, oil on linen, 250 x 400 cm
     
      

Enviar um comentário