quinta-feira, 6 de agosto de 2015

Homenagem a Ana Hatherly (1929-2015)




Rolam tumultuosas mas lentamente
as letras para sua própria ordem
por imposição incendiária de montanhas
de rios e de cidades.







Postal de Ana Hatherly para José Maria de Aguiar Carreiro, 2005.



Enviar um comentário